WWW.OIACO.NET
Notícias do interior
Notícias policiais
Entretenimento
Notícias de sena madureira

MÃE CASTIGA O FILHO DE 12 ANOS COM FIO ELÉTRICO

http://3.bp.blogspot.com/-iBnQ646k8Jo/UesNWitGZMI/AAAAAAAAvaQ/uqw4UEzRecE/s640/tortura.jpgA criança ligou para o pai pedindo socorro, mas quando ele chegou, a mãe já havia fugido do local.
Na tarde da última terça-feira (16), um menino de 12 anos foi torturado por sua mãe com fios elétricos, contou o pai. A criança ligou para ele pedindo ajuda e quando chegou em casa, o pai encontrou a criança sozinha. A suposta autora das agressões deixou a casa com o filho caçula. Segundo o pai, de 33 anos, a criança contou que as torturas são rotineiras.
“Ele me contou tudo e que não aguenta mais viver sob torturas da mãe. O meu filho apanha muito e está coberto de marcas nas costas e no braço. Ela o queimou com uma colher quente, há alguns dias, no braço”, relatou.
O menino disse também, que no mesmo dia mais cedo, a mãe ameaçou colocá-lo dentro do banheiro e jogar água quente. O pai contou que eles são separados, sendo a mãe a possuir a guarda dos meninos de 11 e 12 anos. “O menor também é agredido. Já falei para os meus filhos virem morar comigo. Mas a mãe deles não deixa. Eu fiquei sabendo disso pelo meu filho que está ferido”, ressaltou. O homem disse que a mãe teria prometido não bater mais nos filhos. “Ela me assegurou que não iria mais tocar neles. Mas agora percebo que ela mentiu. Pedirei a guarda dos dois à Justiça e representarei contra ela”, afirmou. O delegado Jorge Carvalho disse que ficou evidente que houve agressões por parte da progenitora, e requisitou o exame de corpo de delito. “Nós vamos encaminhar o caso ao Núcleo de Proteção à Criança e a Adolescente para ser instaurado inquérito para apurar possível crime de tortura”, disse. O delegado também assegurou que as Polícias Militar e Civil continuarão em busca de informações que levem à mãe do menino.

Via Portal a desgraça

OBRIGADO PELA VISITA!

0 comentários for "MÃE CASTIGA O FILHO DE 12 ANOS COM FIO ELÉTRICO"

Postar um comentário