WWW.OIACO.NET
Notícias do interior
Notícias policiais
Entretenimento
Notícias de sena madureira

Deputado Marcio Bittar compra combustível de posto desativado

Investigado pelo Ministério Público Federal (MPF) por associação com empresário brasiliense acusado de vender notas frias, o deputado federal Marcio Bittar (PSDB) também demonstra ser pouco econômico com o dinheiro público quando se trata de abastecer os veículos à sua disposição. Notas fiscais apresentadas por ele à Câmara dos Deputados, onde ocupa a cadeira de primeiro-secretário, comprovam que o parlamentar tucano tem adquirido combustível na cidade de Santo Antônio do Descoberto, no Estado de Goiás, distante 112 km de Brasília.

PRIMEIRO-SECRETÁRIO da Câmara dos Deputados não quis explicar gastos - Foto: Da Assessoria

Primeiro secretário da Câmara dos Deputados não quis explicar gastos – Foto: Da Assessoria
Além disso, em 2011 o parlamentar acreano chegou a apresentar nota fiscal – com o objetivo de reembolso por parte da Câmara – de uma empresa que está fechada desde fevereiro de 2010.
Comprovante de compra emitido pelo Auto Posto Bruno Peixoto II, no valor de R$ 109,78, data do mês de junho de 2011, mais de um ano depois de a empresa ter encerrado suas atividades, conforme comprovam documentos reproduzidos nesta matéria. Pesquisa sobre o CNPJ 03638934000222 junto à Receita Federal comprova a extinção de suas funções no dia 23 de janeiro de 2010.

Comprovante de extincao MF
A partir de julho de 2011, Marcio Bittar se tornou cliente do Auto Posto Pessoa, com o qual gastou quase R$ 2 mil naquele mês. Pesquisa sobre o CNPJ da empresa comprova que ela está em plena atividade, mas o detalhe que chama a atenção é que o posto está localizado a 112 km de Brasília. E mais: a assessoria de Marcio Bittar passou a chamar o Posto Pessoa, a partir de julho de 2012, de Alto (sic) Posto Livil e Levil, mantendo-se o mesmo CNPJ da empresa. Os gastos do parlamentar tucano também aumentaram para uma média de R$ 3,3 mil nos meses posteriores a julho do ano passado.
ultimos meses 2012
As constantes viagens do deputado à cidade de Santo Antônio do Descoberto para abastecer o veículo acarretaram custos extras para os contribuintes. Considerando-se a viagem de ida e volta até o Auto Posto Pessoa (ou Livil, ou ainda Levil), e um consumo estimado em 12 km por litro de combustível, o gasto apenas no percurso seria de 18,66 litros de gasolina.
Outro cálculo a ser feito é o da média mensal percorrida pelo parlamentar tucano, que chega a ser de 9,9 mil quilômetros – o suficiente para três viagens de Rio Branco a Brasília.

Recesso parlamentar e excesso de gastos

No mês de julho de 2011, mês de recesso parlamentar em Brasília, o deputado do PSDB acreano gastou R$ 2.426,32 em gasolina – um consumo maior se comparado aos meses em que precisou “bater ponto” na Câmara Federal.
O mesmo ocorreu no período eleitoral do ano passado, mais precisamente entre os meses de julho e outubro de 2012. A permanência mais prolongada do deputado Marcio Bittar no Acre em razão do apoio aos candidatos do PSDB não diminuiu seus gastos com combustível na Capital Federal, como seria de se supor. No período, o dispêndio com combustível permaneceu inalterado.
Contatada pela reportagem do jornal Página 20, a assessoria do parlamentar tucano não retornou a ligação da reportagem com a versão de Marcio Bittar sobre as denúncias.

(Com informações do blog Farol do Acre – http://faroldoacre.blogspot.com.br) e Pagina20

Sob investigação do MPF

O Ministério Público Federal resolveu investigar as relações comerciais do deputado Marcio Bittar com a empresa Marca-Texto Produção e Arte, do empresário João Cardoso Farias.

OBRIGADO PELA VISITA!

0 comentários for "Deputado Marcio Bittar compra combustível de posto desativado"

Postar um comentário